Bordar Óbidos PA

Bordar em Óbidos. Encontre telefones, endereços e informações sobre Bordar em Óbidos e região. Aproveite e leia o artigo abaixo sobre Bordar para obter dicas e informações sobre o assunto.

M G Variedades
(93) 3547-1035
Rua Doutor Picanço Diniz 233
Óbidos, Pará
 
Casa Modelo
(93) 3547-1238
Avenida Siqueira Campos 238
Óbidos, Pará
 
Via Bordado Indústria e Comércio
(91) 3241-7161
Avenida Generalíssimo Deodoro 891
Belém, Pará
 
Ateliê Pinte e Borde
(93) 3523-1901
Avenida São Sebastião 1509
Santarém, Pará
 
Bem Bordado
(91) 3250-4799
Rodovia BR-316 1001 lj 104B
Belém, Pará
 
Leal Variedades
(93) 3547-1016
Rua Doutor Correia Pinto 67
Óbidos, Pará
 
Im Bordados
(91) 3224-9425
Tv Campos Sales 851
Belém, Pará
 
Chloe Bordados Computadorizados
(91) 3223-3726
Tv Quintino Bocaiúva 1962 lj C
Belém, Pará
 
Ene Malhas
(91) 3222-5587
Al Paulo Maranhão, 141 Av. Magalhães Barata
Belém, Pará
 
Belém Serviços
(91) 3241-6367
Tv Apinagés 101
Belém, Pará
 

Como bordar – Ponto cruz

O bordado é um trabalho artesanal antigo, mas continua muito apreciado nos dias de hoje. O problema é que não é tão mais usual ver mulheres que bordam, logo não é em qualquer lugar que alguém a ensinará a bordar. Antigamente, esse era um tipo de trabalho que era praticamente todas as mulheres dominavam. Mas não se preocupe! Você também pode dominar essa arte e fazer lindos trabalhos. Quem sabe até não pode vender o que fizer e garantir uma renda extra.Uma coisa é certa, mesmo os que não bordam admiram aquele lindo pano de prato da sua cozinha que tem esplendorosas rosas bordadas. Você pode aprender a bordá-las, mas antes apenas uma curiosidade para você: há inúmeros pontos possíveis para se fazer em bordados, os que fazem, em geral, desenhos definidos e não abstratos são os de ponto cruz. Com ele, é possível fazer inúmeros trabalhos: de babadores para crianças a panos de prato. É possível também bordar nomes e presentear as pessoas com toalhas de mão ou de rosto personalizadas. As pessoas adoram esse presente!Agora, vamos ao que interessa! Ao bordado propriamente dito!Atente-se ao passo a passo a seguir:1) Separe o material que vai usar:Agulha (nº 22, 24 ou 26);Linhas de diversas cores;Pano desejado com etamine (babador, pano de prato, toalha, etc.);Risco (é o desenho que você irá seguir para fazer seu bordado).DicasAgulha: as agulhas são pequenas, sem ponta e para tapeçaria. Use agulhas maiores para etamines cujos pontos são mais distantes e agulhas menores para etamines cujos pontos são mais próximos.Linha: A linha da marca Anchor é excelente. Com ela você pode lavar os bordados sem se preocupar, pois ela não desbota.Importante: Ao escolher o resto que pretende bordar, veja se ele irá caber na etamine que separou. Para isso, conte cada quadradinho do desenho (cada quadrado pintado representa um ponto). Conte principalmente a altura do risco, pois, em geral, as etamines são bem largas horizontalmente e mais estreitas verticalmente. Para saber a altura da etamine, conte cada “buraco” – cada um representa um quadradinho do desenho.2) Feito tudo isso, você irá centralizar o desenho na etamine. Conte quantos pontos tem o desenho, quantos tem a etamine (e nesse caso você irá contar ambos – etamine e risco – na vertical e horizontal). Marque onde será o início do bordado.3) Agora separe a linha. Se você for usar a linha Anchor, retire um fio de tamanho considerável. (Repara que essa linha tem seis fios que compõem a linha toda, então você irá usar uma dessas seis linhas).4) Junte as duas pontas da linha e coloque na agulha. No local em que marcou o início do bordado (na etamine) coloque a agulha, do avesso para o lado correto, no buraquinho. Segure o lado em que a linha está dobrada no avesso do bordado, para a linha não escapar. Enfie a agulha no ponto oposto ao que enfiou. Do lado avesso, passe a agulha e a linha na “orelhinha” da linha. Dessa forma, terá prendido a linha que irá usar. Você irá fazer isso toda vez que precisar trocar a linha.Obs: Um ponto cruz irá utilizar 4 “buraquinhos” da etamine. Por exemplo X (esse é o ponto). Cada ponta do X estará em um buraquinho.5) Você sempre fará o bordado por linha e não por ponto. Então, primeiramente faça todas as diagonais da primeira fileira (que tenha aquela cor que você está usando) do risco. O bordado ficará com o seguinte aspecto: /////////. Depois, você voltará cruzando os pontos de volta. Aí sim o ponto estará finalizado e com o seguinte aspecto XXXXXX.Dica: Pense que cada um dos pontos do X é um número. Então, da esquerda para a direita, de baixo para cima, seguindo o sentido anti-horário, são os números 1, 2, 3 e 4. O movimento da agulha para fazer as diagonais (/////) será: 1, 3, 2, 3, 2. Até acabar a quantidade de casa. Note que a partir do segundo ponto o que seria a casa 1 é também a casa 2, pois os pontos estarão sempre colados, uma casa seguida da outra. O movimento de volta da agulha para fechar o X é 2, 4, 1, 4, 1…6) Passe para a fileira de cima. Repita o processo sempre contando o número de casas, senão o desenho ficará errado.7) Arremate a linha caso já tenha feito todas as casas com aquela cor ou que a linha for insuficiente para continuar o bordado. O arremate pode ser feito no avesso. Tente apenas não fazer muitos nós, pois um dos critérios que dirá o quanto é profissional no bordado é se consegue deixar um avesso perfeito (mas essa será outra aula!).Pronto! Você aprendeu como se faz o ponto cruz. Lembre-se sempre que a prática leva à perfeição. Então, quanto mais fizer, mais vai desenvolvendo suas próprias técnicas para aprimorar seu bordado!Mais uma dica a você: caso for comercializar os trabalhos que fizer, valorize-os! Se você não os valorizar, ninguém fará isso… Eles tomam nosso tempo, mas o resultado é incrível! Você irá se surpreender com você mesma!Boa sorte nessa arte!Foto via: Flickr