Cão Da Raça Pug Brasília, DF

Cão Da Raça Pug em Brasília. Encontre telefones, endereços e informações sobre Cão Da Raça Pug em Brasília e região. Aproveite e leia o artigo abaixo sobre Cão Da Raça Pug para obter dicas e informações sobre o assunto.

Huracan Pet Shop e Veterinário
(61) 3340-9968
CLN 314 BL B lj 37/41
Brasília, DF
 
Point Animal
(61) 3272-9204
Sclrn 716 Bl C Loja 13
Brasília, DF
 
Vira Lata Aço Pet Shop
(61) 3304-1143
EQ 42/44 bl A lj 25
Brasília, DF
 
Banho e Tosa da Tia Rita
(61) 3397-6974
Colônia Agrícola Vicente Pires rua 1 lt 27 ch 274
Brasília, DF
 
Pety Pet
(61) 3322-6132
CLS 104 BL B lj 15
Brasília, DF
 
Pet Shop Bixu Mania
(61) 3242-7610
CLS 406 BL A lj 15
Brasília, DF
 
Pet Shop São Bernardo
(61) 3248-6494
SHIS QI 13 BL F lj 55
Brasília, DF
 
Pet Shop Bicho Lindo
(61) 3964-0182
CLN 112 BL A lj 70
Brasília, DF
 
Bicho Chique
(61) 3568-4824
QE 34 BL A lj 23
Brasília, DF
 
Bicho Chique
(61) 3242-4782
CLS 306 BL A lj 06
Brasília, DF
 

Como cuidar de um cão da raça Pug

Pug é uma raça de cão de porte pequeno, de origem chinesa. Possui características próprias, como o rabo em espiral e focinho achatado, o que causa uma respiração sempre ofegante. Pesa entre 6 e 8 quilos, possui pelagem curta, fina e macia. O corpo musculoso tem excelente disposição física, entre 25 e 27 centímetros de altura, seus olhos são grandes e lhe dão uma expressão meiga e esperta.É possível encontrar Pugs nas cores que vão do bege ao marrom, além da cor preto. Como todas as raças, a Pug também requer cuidados específicos. Veja algumas dicas de como cuidar para que seu cãozinho viva mais tempo e com mais saúde.Proporcione clima e locais agradáveisComo seu focinho é curto, a respiração é limitada, por isso evite lugares muito quentes e abafados, sob risco de morte em pouco tempo. Se a região onde você mora for sempre quente, o seu cãozinho precisará de ventilação, se não for possível a natural, que seja através de eletrodomésticos. Procure proporcionar ao Pug um clima confortável.stanrandom/FlickrEvite viagem e rotina cansativa Como o cãozinho Pug é meigo, carinhoso e lindo, é normal que seus donos o carreguem para todo lado, porém evite levá-lo em viagens longas e cansativas.Essa raça se adapta facilmente a lugares e donos novos, de forma que adotar um Pug em idade já adulta não é nenhum problema.Cuida bem da higieneComo o Pug é cheio de “pneuzinhos” e rugas, é normal que o cãozinho transpire nesses locais, que devem ser limpos pelo menos uma vez por semana. Limpe todo o corpo e o focinho com algodão ou gaze umedecida com água ou óleo mineral. Os banhos devem ter intervalos de 15 dias, aproximadamente, já que a alta frequência dos banhos pode desencadear problemas de pele. Lave-o com sabonete ou shampoo neutro e seque-o completamente após o banho, inclusive nos dias mais quentes de verão.Cuide da alimentaçãoA primeira coisa a ter em mente é que animais de estimação não devem comer o que seus donos comem, afinal o organismo do humano e do cão são diferentes. Cães acostumados a comer a mesma comida que seus donos vão sempre dar trabalho nos horários de refeição da casa.Poi Photography/FlickrO segundo ponto a se lembrar é que comida de filhote é específica para bebês caninos, enquanto que a ração para a fase adulta é específica para essa faixa etária. Os fabricantes colocam em cada ração de uso específico nutrientes que o animal precisa na fase atual, por isso, respeitar a orientação da embalagem garantem mais saúde ao animalzinho.Nos 6 primeiros meses, dê ração em 3 horários bem distribuídos no dia e sempre nos mesmos horários. Junto ao recipiente de comida, deixe outro com água durante todo o dia, essa raça bebe bastante água.Após 6 meses, aumente a quantidade de ração e aumente também para 4 refeições diárias. Mantenha essa rotina mesmo que ele pareça insaciável, para evitar a obesidade. O recipiente também deve ser o mesmo, sempre limpo e nos mesmos lugares.tarentula_in/FlickrO Pug pode viver até 15 anos e pra que ele viva toda sua expectativa de vida com saúde e felicidade, tome os cuidados específicos dessa raça, são cães inteligentes e de fácil adestramento. (Imagem destaque: samlavi/Flickr)